O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ]Subscrever RSS RSS
Edição de 01-08-2014
Pesquisa
Livro
Alto Douro Vinhateiro Alto Douro Vinhateiro Versão Inglesa
 

Arquivo: Edição de 27-07-2012

SECÇÃO: Opinião

Panos vermelhos

Os panos vermelhos, que assinalam a presença de prostitutas nas bermas da Rua 229 que liga Sátão a Viseu, têm vindo a aumentar e a este ritmo qualquer dia aquele espaço assemelha-se ao palco de uma manifestação pró Leninista…
Hão de ser de variada ordem os motivos que levam aquelas jovens a vender o corpo, democráticos certamente, em nome da liberdade de escolha, mas nem por isso deixam de ser um “murro no estômago” para quem não quer essa opção para uma filha… Não seria mau darmos um pouco mais de atenção à problemática da prostituição
(mais antiga profissão do mundo) não apenas pelo que ela representa, mas também por tudo o que gravita à sua volta. Os irresponsáveis dos governos continuam a assobiar para o lado, quiçá por acharem normal que uma das suas respeitáveis filhinhas se venda na berma da estrada… (Eu sei que gozam de protecção divina em termos de desemprego, mas mesmo assim…)
Não acredito que tal abundância de vistosas opções se deva a uma benesse de Passos Coelho para nos compensar pelo encerramento de escolas, centros de saúde e tribunais… (de que ficámos privados num abrir e fechar de olhos, depois de aberto o caminho pelo famigerado Sócrates, que, talvez devido a isso, agora, é obrigado a viver com uns milhõezitos em off shores, coitadinho!)
Mas, esta abundância de prostitutas nas bermas das estradas pode muito bem ser mais um “coelho” saído da cartola do Relvas
(primoroso artista) que, como mentor do governo, quer evitar a todo o custo que possamos afirmar que diminuem drasticamente todos os “serviços sociais”, pois as prostitutas nas bermas das estradas aumentam dia a dia e os indicadores da nossa economia apontam no sentido de próspero desenvolvimento, nesta matéria, claro! (Em quase tudo o resto é uma desgraça)
Talvez seja altura dos presidentes Fernando
Ruas e Alexandre Vaz, à semelhança do que fizeram (e muito bem) com os tribunais distritais encerrados, organizem um protesto a Lisboa a exigir a permanência das prostitutas na rua 229, (menina dos seus olhinhos!)
Inimigo figadal do poder local como é, Passos Coelho, rapidamente encontrará uma solução para as tirar dali.
A este propósito, a Assembleia Municipal de Sátão já em tempos discutiu a presença de bandeiras nacionais utilizadas com a mesma finalidade dos atuais panos vermelhos…
Espero que desta vez (se o assunto voltar a ser discutido, seja mesmo debatida a problemática da prostituição e não dos panos vermelhos…)
Post Scriptum
Por favor, tirem as prostitutas das bermas da rua 229 e das outras e dêem-nos uma estrada a sério, que tanta falta nos faz!

Por Celso Neto, Dr.

A História do Jornal
Colaboradores
Douro / Rio
Concelhos
Oportunidades
Roteiro
Transmontanos / Durienses +
Adegas +
Informações Úteis
[Utilidades]
[Outras Notícias]
O Meu Jornal
Última Hora
Notícia Importante
(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@iol.pt